O que passou

PETROBRÁS DESCOBRE RESERVA DE GÁSA Petrobrás anuncia a descoberta de uma grande jazida de gás natural perto do campo de Tupi, na Bacia de Santos, abaixo da camada de sal. O volume de gás ainda não foi estimado, mas, segundo especialistas, as características técnicas divulgadas em nota oficial apontam para a existência de grandes volumes de gás, o que pode garantir a auto-suficiência nacional no produto. O projeto piloto deve ser antecipado, mas o poço - batizado de Júpiter - só entrará em produção em 2014.ÍNDICE DE MORTALIDADE INFANTIL DIMINUIO relatório Situação Mundial da Infância 2008, divulgado pelo Fundo das Nações Unidas para Infância (Unicef), mostra que a mortalidade de crianças no Brasil caiu 46,9% entre 1990 e 2006. Com isso, o País subiu 27 posições em relação à versão de 2007 do ranking, que avalia 194 nações com base na chance de meninos e meninas chegarem aos 5 anos. Os índices melhoraram principalmente nas regiões mais pobres do Brasil, mas, ainda assim, a possibilidade de uma criança morrer em Alagoas é mais de três vezes maior do que em São Paulo. NOVO PRINCÍPIO DE INCÊNDIO NO HCUm princípio de incêndio atinge o Prédio dos Ambulatórios do Hospital das Clínicas (HC), em São Paulo. No mesmo dia, haviam começado as obras na fiação danificada pelo incêndio do dia 24 de dezembro. Ninguém se feriu e não houve tumulto. Na quinta, o Ministério Público Estadual - que cogitou pedir a intervenção do hospital - faz uma vistoria e constata que estão em andamento as obras de adequação da segurança no local. Os promotores, acompanhados de técnicos do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), entregam ao superintendente do HC uma lista de indicações para complementar a obra. MORTES POR FEBRE AMARELA CHEGAM A 10O Ministério da Saúde confirma a décima morte por febre amarela no País. Como nos demais casos, a vítima contraiu a doença em Goiás. Segundo dados do ministério, foram confirmados até sexta 19 casos da doença. Outros cinco estão sob investigação e 16 notificações suspeitas foram descartadas. CONGRESSO DOS EUA APROVA PACOTE A Casa Branca e o Congresso americano chegam a um acordo sobre o pacote que pretende evitar uma recessão no país, anunciado pelo presidente George W. Bush (foto) no dia 18 de janeiro. O objetivo é aprovar o plano rapidamente, para que ele possa ser promulgado até fevereiro. O governo vai abrir mão de uma arrecadação de US$ 150 bilhões para que pessoas físicas e jurídicas possam ampliar gastos. O acordo contribui para fortes altas nas bolsas do mundo todo. A Bovespa atinge 5,95%, maior valorização desde outubro de 2002. Na terça, o Federal Reserve, banco central americano, havia anunciado um corte extraordinário de 0,75% para tentar conter a crise. A medida foi criticada pela maioria do participantes do Fórum Econômico Mundial de Davos.

O Estado de S.Paulo

27 de janeiro de 2008 | 00h24

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.