O que passou

BIBI ASSUME PODER EM ISRAEL

O Estado de S.Paulo

04 de abril de 2009 | 22h17

31/3

O Parlamento israelense aprova o novo gabinete e o nome do líder do partido direitista Likud, Binyamin "Bibi" Netanyahu, para o cargo de primeiro-ministro do país. Durante o discurso, o ex-ministro das Finanças não usou a palavra "Estado" quando se referiu à negociação com os palestinos, mas prometeu buscar paz completa entre israelenses e árabes. Desde o início da montagem do novo governo, Bibi adotou um tom moderado para atrair legendas de centro e centro-esquerda.

MILHARES SE REÚNEM EM ENTERRO DE ALFONSÍN

1/4

Dezenas de milhares de argentinos se aglomeram nas ruas de Buenos Aires para acompanhar a procissão do funeral de Raúl Alfonsín. O ex-presidente morreu aos 82 anos vítima de câncer no pulmão na terça-feira. Ele foi o primeiro presidente eleito após o fim do regime militar, em 1983, e terminou seu mandato seis meses antes do previsto, em meio ao caos da hiperinflação. Sua carreira foi marcada pela defesa de direitos humanos: prendeu líderes militares responsáveis pela morte e desaparecimentos na ditadura.

FIM DA PRISÃO ESPECIAL É APROVADO

1/4

O Senado aprova projeto de lei que acaba parcialmente com a prisão especial no País. A proposta segue para a Câmara. O benefício, hoje concedido a pessoas com curso superior e autoridades, só será concedido caso o preso corra risco de morte ou precise ficar em uma cela separada dos demais detentos. Juízes e membros do Ministério Público continuariam a ter direito a prisão especial.

JAPÃO DÁ DINHEIRO A DEKASSEGUIS

1/4

O governo do Japão está oferecendo dinheiro para que descendentes de japoneses, inclusive brasileiros, deixem o país. Cada dekassegui desempregado receberá o equivalente a R$ 6.700 para a passagem aérea e outros R$ 4.500 por dependente. Quem aceitar a oferta não terá direito de retornar ao Japão com o visto de trabalho.

ATIRADOR INVADE CENTRO E MATA 13

3/4

Um homem abre fogo no prédio da Associação Cívica Americana (foto), um centro de imigrantes, em Binghamton, no Estado de Nova York. Ao menos 13 pessoas foram mortas e outras 26 ficaram feridas. O atirador manteve reféns por cinco horas. O assassino teria se suicidado. Segundo relatos preliminares, ele foi identificado como Jiverly Voong, um vietnamita de 42 anos que foi demitido recentemente da IBM.

MORRE O GENETICISTA CRODOWALDO PAVAN

3/4

Uma das figuras mais importantes da ciência brasileira e pioneiro do estudo da genética no País, o biólogo Crodowaldo Pavan morre aos 89 anos vítima de falência múltipla de órgãos. Além de liderar algumas das instituições científicas mais importantes do País, como SBPC e CNPq, o professor da Universidade de São Paulo publicou trabalhos de repercussão internacional e formou gerações de pesquisadores no Brasil e nos Estados Unidos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.