Paulo Moura relança homenagem a Caymmi

música

O Estado de S.Paulo

17 de julho de 2007 | 18h06

"No início dos anos 90, Paulo Moura sentiu necessidade de registrar em disco um pouco do que considerava ser a legítima música afro-brasileira. O clarinetista então debruçou-se sobre a obra de Dorival Caymmi e, com o grupo Ociladocê, gravou um disco que, não obstante a beleza do repertório, quase não fez barulho. Agora, O Som de Dorival Caymmi está de volta, em relançamento da Biscoito Fino. No CD, ele toca clarinete, sax alto e soprano. O resultado é um Caymmi saborosíssimo." Roberta Pennafort

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.