Quem fala à França?

É o candidato à reeleição presidencial Nicolas Sarkozy,

O Estado de S.Paulo

29 de abril de 2012 | 03h09

com seu discurso de feitio populista e perfume de elite,

ou o rival socialista François Hollande, com a bandeira da

'justiça social', a dias do segundo turno? Para o historiador

Damon Mayaffre, do Centro Nacional de Pesquisa Científica, independentemente de quem virá a ser o próximo presidente francês, sai vitorioso o discurso de extrema direita do clã Le Pen: "Deslocou o eixo da política francesa. Muitos eleitores viram que não é preciso votar em ideias copiadas, pois o original está na Frente Nacional". Já Sérgio Augusto comenta a volta de Minha Luta, de Hitler, às livrarias e escolas alemãs: "Por que proibir, aguçando o interesse, o que já é lido na web?"

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.