JOSÉ SARNEY, humilde presidente do Senado, contando que se cortou ao fazer a barba e foi à enfermaria da Casa para buscar um curativo

30 de dezembro de 2012 | 02h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.