EIKE BATISTA, empresário, tuitando sobre sua ascensão ao posto de sétimo homem mais rico do mundo. Ele se disse "contente por investir, gerar riquezas e empregos". Ser dono de uma fortuna de US$ 30 bilhões não conta, é claro.

11 de março de 2012 | 03h10

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.