Você concorda com o status de refugiado concedido a Battisti?

Italianos protestam contra asilo a extremista Após o governo da Itália ter anunciado a intenção de convocar seu embaixador no País, num claro sinal de insatisfação diante da decisão brasileira de conceder refúgio ao ex-militante Cesare Battisti, manifestantes italianos protestaram em frente à embaixada do Brasil em Roma. O ministro de Relações Exteriores italiano, Franco Frattini, afirmou que ainda espera que o presidente Lula recue da decisão que beneficiou Battisti. Com a crise diplomática instalada, o Supremo Tribunal Federal deve julgar o caso em fevereiro, quando os ministros voltam de férias. Resultado da enquete:Sim> 29%Não> 71%

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.